O que os utilizadores de redes sociais mais detestam

utilizadores-redes-sociais

O que os utilizadores de redes sociais mais detestam – e que as marcas continuam a fazer

Aqui vai uma lista de coisas que os utilizadores de redes sociais mais detestam e que mesmo assim, as marcas continuam a fazer!

 

1. Não responder às mensagens

Ninguém, NINGUÉM, gosta de ser ignorado! Então, por que razão tantas marcas continuam a não responder aos seus utilizadores nas redes sociais?
Não importa que os comentários sejam positivos ou negativos, responda! E responda sempre.

2. Responder a apenas alguns

É muito comum ver marcas e também bloggers a responderem muitas vezes ao mau e não darem resposta ao bom. Diz-se que “quem não sente não é filho de boa gente” e é obvio que ninguém gosta de ser insultado e menos ainda quando sente que é uma injustiça. Todavia, muitas vezes é pior a emenda que o soneto! A coisa cresce e acaba muitas vezes mal!

Além disso, quando há uma base positiva e de apoio, dar mais espaço a quem fala mal não é bom. As marcas têm de aprender que tal como com os bons amigos, também com os utilizadores das redes sociais importa criar relações e alimentá-las!

3. Demasiada autopromoção

Obviamente que as empresas querem vender, vender, vender! Contudo, e volto a dizer pela 238983 vez neste site: as redes sociais servem para dialogar. Pare de se vender tão insistente (e descaradamente) ou os seus utilizadores terão pouco para interagir com o produto! Vários estudos revelam que esta é das coisas que os utilizadores das redes sociais mais odeiam – abominam mesmo. Use as redes sociais de forma inteligente, com peso e medida! Além de vender, saiba também inspirar, ajudar, motivas, oferecer soluções,… – use a jornada do consumidor a seu favor e crie um bom calendário de conteúdos.

4. Demasiadas hashtags e emojis

Menos é mais, certo? Há marcas que usam tantas hashtags nas redes sociais que nem dá para ler o conteúdo. Ou bonecada. Bom senso.

  • E mais: hashtags no Facebook? Não, obrigada! Usar uma hashtag aqui e ali, para destacar algo, sim; mas listas delas não fazem faltas. A pesquisa do Facebook funciona como um Google, ou seja, as hashtags pouco trazem à publicação.

5. Péssimo serviço de apoio ao cliente

Os utilizadores das redes sociais veem-nas como uma forma de chegar mais facilmente à marca – e menos informal. O que significa que na hora do aperto, lá vão eles reclamar/queixar nas redes sociais. Logo, tem de estar preparada e ter um bom serviço de atendimento – rápido e eficaz, mas também empático. Empatia não rima com redes sociais, mas devia.

 

E desse lado, o que é que mais odeia nas redes sociais e que vê as marcas a fazerem constantemente?

 

Veja também:

Erros-Facebook

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>