Tendências marketing digital

tendencias-de-marketing-digital

Tendências de marketing digital para 2018

Quanto a tendências de marketing digital para 2018, prepare-se para um ano que será de mudança, com a Internet à procura do real e do verdadeiro! Viva o autêntico! Não deixe que o seu negócio online fique para trás e entre em 2018 em grande! Confira as grandes tendências do marketing online para o próximo ano!

1. Muito além do social! Muito além da funcionalidade primária!

tendencias-de-marketing-para-2018

Já não se trata de ser maior rede, nem de ter mais utilizadores. Há que explorar as potencialidades de cada rede social e ser audaz!

  • O Pinterest é cada vez mais cobiçado pelas marcas e publicidade. Segundo a Kantar Millward Brown, 87% dos utilizadores do Pinterest fizeram uma compra depois de investigar algo no site.
  • No Facebook, a grande tendência são os grupos fechados e a criação de comunidades – e estamos todos curiosos para saber como vai funcionar o Marketplace do Facebook – para já a opção do Stories deixa ainda muito a desejar!
  • Quanto ao uso do Instaram em 2018, vai-se tornar mais e mais uma ferramenta de compras, com novas funcionalidades para as empresas de e-commerce!

2. Conteúdos online: A importância da forma e da diversidade

Há mais vida na Internet do que o típico texto corrido! Escolher o formato de conteúdo online correcto para apresentar as suas ideias é um desafio – será melhor um top 10? Optar por uma entrevista? Ou investir num vídeo?

Em 2018, será urgente saber adaptar conteúdos para cada rede social! Aquela coisa de copiar/colar e usar as mesmas mensagens no Facebook e no Linkedin não serve mais! Uma mensagem tem (e deve) de ser trabalhada para cada rede social. O público pede novidade e exclusividade! Primeiro, porque cada rede social é diferente; depois, porque também o público é!

3. A importaria do design para o marketing digital

Menos escrita e mais imagens, mais (bom) design, mais leitura fácil. Isso, obrigará as empresas a apostarem não só em um design bonito, mas também amigo do utilizador – isto é válido para imagens; mas também para o web design, que deverá ser fácil de navegar. Mesmo nas imagens, importa apostar em imagens mais corporativas e apelativas, para evitar que se percam no meio de tanta informação online e para que nos obriguem a parar e a OLHAR!

4. A economia da confiança e a busca da autenticidade online

Cada vez mais críticos, cada vez mais exigentes! E depois das eleições norte-americanas, a caça às notícias falsas tornou-se uma batalha que o Google e o Facebook prometeram travar.

Mesmo para vender é preciso em apostar em estratégias que apelem à autenticidade e à verdade, criando uma relação honesta e transparente com os utilizadores online, que mais do que nunca exigem ética! Aposte em vídeos directos, permita que experimentem o seu produto, aposte numa estratégia de marketing que inspire confiança e adopte valores importantes para o seu público!

5. Linkbuilding, influencers digitais e bloggers

Mesmo em 2018, há uma tendência de marketing digital que não passa de moda: o “passa-a-palavra”! Uma recomendação continua a valer muito na Internet! Sobretudo, se parecer natural e pouca intrusiva – cada vez menos, os leitores têm paciência para posts patrocinados!

Não basta ter um site lindinho, bem optimizado, um bom SEO, dinheiro para SEM e uma boa estratégia de marketing digital. É importante que falem de si.Como? Linkando para o seu site! A competência é feroz e às vezes o empurrão que falta para um negócio online é ter alguém a falar bem e a recomendar o produto/marca/etc. Na Internet, essas pessoas são os bloggers e os influencers digitais! Procure gente com sites e blogs pertinentes para o negócio e invista – e, sim, leu bem invista. Faça uma campanha com eles!

6. Chatbots e a importância do atendimento ao cliente personalizado

Os chatbots foram uma das grandes tendência do marketing online de 2017! E são uteis! E rápidos. Mas quando falamos de Atendimento ao Cliente, humanizar é importante! Personalizar ao máximo! Ninguém gosta de mensagens iguais! Personalize, crie e alimente afectos e relações. A nova geração, os Millennials ou geração Y, como lhe queira chamar, aprecia este cuidado e valorizam o contacto personalizado. E mais, quando gostam, eles voltam. Quer mais? Quando eles gostam, eles recomenda aos amigos… E sabe que mais? Quando não gostam, eles também contam aos amigos! E aos amigos do Facebook! E aos do Twitter!…

7. Pesquisas de voz

Cada vez mais os utilizadores usam o sistema de pesquisa de voz para pesquisar online e obter respostas. Perguntas essas que aparentemente conduzem a ações reais mais efectivas – imagine o valor que isso tem para o seu negócio? Também por isso, nunca as FAQ (Frequented Asqued Questions) voltaram a estar na moda. Em 2016, o LinkedIn lançou o Record para iOS, que possibilita o uso de vídeos curtos (cerca de 30 segundos) para dar respostas a temas criados pela equipa do LinkedIn – sendo que os utilizadores podem também criar os seus temas. Junte a isso, a popularidade do Siri e outros sistemas de voz online e verá como estes meios de interacção vão crescer cada vez mais!

8. O crescimento do live streaming

Ultimamente o algoritmo do Facebook parece mais interessado em videos e em priorizar sessões de live streaming do que conteúdos com link. É como se ele quisesse que não saíssemos da página – espertinho! Notícias em direto! Informação em direto! Sessões de perguntas e respostas em direto! Acontecimentos em direto! Lançamento de produtos online em direto! Na última sessão do MasterChef Brasil, o anúncio do vencedor foi feito primeiro no Twitter e só depois em estádio! Ferramentas como o Periscope do Twitter ou o Facebook Live permitem uma nova forma de interacção. Como vê, o público quer algo real: experiências reais. Momentos reais.

9. DMP (Demand Side Platform)

Que é como quem diz análise de dados, estatísticas e números, muitos números. Sobretudo grandes empresas, com grandes investimentos em campanhas de marketing online não podem passar ao lado da analise de dados, escrutinando todos os passos do cliente no site e, assim, poderão melhorar o ROI! Isto permitira também analisar os micro-momentos, ou seja, todos os passinhos dos utilizadores no seu site: onde clicaram? Onde pararam a compra e porquê e muito mais!

10. Mobile on-the-go

tendencias-de-marketing

É, o senhor Google não está a brincar quando diz “mobile first”! Optimizar o site, blog e as plataformas online para dispositivos moveis é SUPER importante. O Google reconhece os sites que estão bem optimizados e começa a separar o trigo do joio, apresentando no topo das pesquisas os sites melhor adaptados para dispositivos moveis – telemóveis, tabletes, etc.

E se isso não for motivação suficiente, há mais! Olhe nas estatísticas da sua página e veja quantos utilizadores chegam á sua página via telemóvel. Compare esses dados com os meses anteriores! O número está a crescer, certo? Acompanhe os seus utilizadores.

Siga estes conselhos e tenho a certeza que o seu site irá arrasar em 2018!

2 thoughts on “Tendências marketing digital”

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>