Gestor de redes sociais o que faz

gestor-de-redes-sociais-que-faz

Afinal, um gestor de redes sociais o que faz?

“Gestor de redes sociais o que faz?” É essa a sua dúvida? Se é bem verdade que “de médico todos temos um pouco”, o mesmo acontece com a profissão gestor de redes sociais, também conhecida como Community Manager. Afinal, se todos sabemos publicar no Facebook, tweetamos e até subimos umas fotos giras no Instagram, para quê contratar alguém para gerir as redes sociais de uma marca, certo? Errado! Muito errado!

A pessoa que faz a gestão das redes sociais deverá ser a voz online da empresa e do produto. Logo, será responsável por fidelizar o público, criando um espírito de comunidade e, igualmente importante, conseguir angariar novos clientes para o negócio.

Criámos uma lista de tarefas de um Community Manager e que lhe farão também entender a importância deste profissional para um negócio. Ou será que se tivesse de ser operado, seguiria as indicações de um vídeo de YouTube?!

1. Definir a melhor rede social para cada negócio

Facebook, Twitter, Pinterest, Instagram, Google+, Linkedin, Ask.fm, … a lista das redes sociais não tem fim! Uma das tarefas do Community Manager é escolher a rede social certa para cada negocio – ou as redes. Profissionalmente, acredito que não importa estar em todas, importa, sim,, estar onde faz falta e pode fazer a diferença!

2. Definir o tom e as personas do negócio

Por definir o tom, entende-se definir o estilo da linguagem e forma de comunicar – tratar por tu o utilizador ou ser mais formal? Que valores comunicar?

Por isso, é importante que o gestor de redes sociais conheça bem a área de negócio da empresa, assim como o produto, apresentando e personificando os seus valores à comunidade. Também por isso, definir as personas, isto é o público-alvo, é uma tarefa essencial.

3. O Community Manager tem de estar presente

gestor-redes-sociais
Um gestor de redes sociais é a voz da empresa online

Cada vez mais, antes de comprar um novo produto, os utilizadores usam a internet para pesquisar sobre os mesmos. De certeza que também faz isso, certo?

Agora, imagine que um potencial cliente chega, indeciso, à sua pagina de Facebook. Ao ver a página, ele encontra uma empresa com a qual se identifica, com conteúdos interessantes, que responde ao público, que cria empatia e interage. Ou seja, ele encontra: uma marca presente, que lhe dá segurança!

E mais, ele vê até que alguns dos seus amigos seguem a marca.

Tendo em conta todo este cenário, as hipóteses dele adquirir o produto são maiores, não concorda?

4. Responder com empatia, tendo em conta os valores da empresa

gerir-redes-sociais
Gestor de redes sociais o que faz: responder, mas responder tendo em conta os valores da empresa

O trabalho de gestão de redes sociais e o serviço de Apoio ao Cliente andam muitas vezes de mãos dadas. Gerir redes sociais, significa também ajudar, responder, esclarecer e interagir com a comunidade online. Portanto, implica criar relações, MEDIAR. Daí que seja importante estar presente e ser rápido a responder, mas também EMPÁTICO. Aposte numa boa estratégia de marketing de relacionamento, marcando uma posição e dando eco aos valores da empresa.

5. Criar conteúdos online

Quer um site, quer um canal de canal de social media necessitam de conteúdo. Hoje em dia, o público está cada vez mais exigente e a competição feroz, assim sendo não basta publicar qualquer coisa.

Por esta razão, é importante ser capaz de criar conteúdo relevante adaptado a cada rede social. Mas sobretudo conteúdo tão interessante que o público não resistirá em partilhar. Ao fazê-lo estará a chegar a novos utilizadores.

Também é importante que o gestor de redes sociais saiba usar vários formatos de marketing de conteúdo e, assim, entreter o público.

6. Criar um calendário social media

community-manager
Exemplo de um calendário de redes sociais

Para ser bem sucedido online, consistência é essencial para uma rede social de sucesso. Nas redes sociais, não pode publicar hoje e voltar uma semana depois! Por causa do algoritmo, publicar regularmente é essencial. Tendo em conta isto, uma das ferramentas de social media mais importantes é a criação de um calendário de publicações.

Este calendário de social media deverá ser definido com antecedência, marcando vários acontecimentos – desde feriados, eventos da empresa, datas relevantes, etc. Desta forma, não há espaço para esquecimentos ou falta de tempo.

Hoje em dia, existem várias ferramentas online, com calendários de social media management, que são bastante efetivos na hora de planificar, agendar e analisar resultados. Outra opção é criar um calendário básico no Word ou no Excel – básico, mas funcional!

7. Timing: Estar atento à realidade

gestor-de-comunidades-online
Resposta do Licor Beirão, aquando a inauguração da estátua de Cristiano Ronaldo no Aeroporto do Funchal

Evidentemente que ter um calendário de social media previamente agendado, não significa descurar o dia-a-dia. As melhores ações de social media (e as mais efetivas) são aqueles que conseguem responder de forma rápida aos acontecimentos do quotidiano. São também estas que têm maior hipótese de se tornarem virais, chegando a mais gente.

8. Preparar campanhas online e gerir orçamentos

redes-sociais

Além de tudo o que aqui foi dito, o gestor de comunidades online é também a pessoa responsável pelas campanhas e promoções da empresa nas redes sociais. As campanhas nas redes sociais além de serem mais baratas do que as dos media tradicionais, têm ainda a vantagem de ser segmentadas para um público específico, sendo muitas vezes mais efetivas.

Assim sendo, promover posts no Facebook, criar anúncios no Instagram ou noutras redes sociais é também o que um gestor de redes sociais faz!

9. Medir resultados das estratégias de marketing online

Consequentemente, interpretar dados, medir KPI e definir objetivos, tal como acontece com outros tipos de marketing offline e online é outra das tarefas de um gestor de redes sociais. Depois de colocar em prática as estratégias de marketing, há que analisar os resultados. Caso contrario, como saber se funcionou?

Se vai contratar um gestor de redes sociais, pode sempre pedir um relatório de monitorização das redes sociais: peça números e procure saber o que correu bem e menos bem – só assim se aprende.

10. Arriscar e experimentar novas ideias e ações online

Para terminar, um bom gestor de redes sociais tem de ser criativo, assim como alguém disposto a arriscar e a fazer algo novo. O mundo online não é uma ciência, isto é um conceito que funciona hoje, pode não funcionar amanhã e se resultou com a concorrência, pode falhar com a sua marca! Assim sendo, não procure um gestor de redes sociais que faz magia, mas sim alguém com jogo de cintura, capaz de pensar fora da caixa e arriscar, experimentando coisas novas!

Concluindo:

  • Social media management é fazer a mediação entre a empresa e o produto e a campanha – é isto o que um gestor de redes sociais faz!
  • Se por um lado, um bom social media manager tem de ter uma personalidade analítica e ter um trabalho bem planeado.
  • Por outro, tem de ser capaz de construir relações, ser empático, criativo e capaz de se adaptar ao inesperado.

8 thoughts on “Gestor de redes sociais o que faz”

  • Olá Sofia,
    Gostaria muito de me preparar para está área e por ser uma profissão nova não existe uma grade de conteúdos pré definidos. Umas pessoas indicam marketing digital, outras mídias sociais. Muitas empresas pequenas e grandes estão fora da internet por não saber administrar suas redes e eu vejo aí uma grande oportunidade de negócio e queria me preparar. Se vc tiver algumas dicas, sugestões para alguém de uma área de atuação totalmente diferente e puder me orientar agradeço imensamente, ou se você tiver interesse em uma aprendiz, fico a disposição para trabalhar com vc nesta área tbem.

  • Olá Sofia,
    Bom dia!
    Tudo bem?
    Muito bom seu artigo.Esclarecedor e me deu um norte bacana, sobre como devo me posicionar nesta área.
    Sempre gostei muito de novidades, meio digital, inovações e Marketing. Estou cursando Marketing OnLine primeiro ano. Tenho visto que a prática é bem diferente da teoria…rsrrss, não poderia ser diferente né…
    Bom estou com um grande desafio, trabalho numa start up, uma empresa de tecnologia da informação, especializada em soluções para gestão de ativos e serviços. E estou há um ano trabalhando no Marketing Digital da mesma. Ano passado tivemos uma agência a nos apoiar, neste desafio. Esse ano estou assumindo a área sozinha, adoro me conectar com as pessoas e trocar informações ,sou empática, criativa e sei lidar com o inesperado. Estou a desenvolver meu perfil analitico e confesso que ainda tenho uma certa dificuldade nisso, sei o que precisar ser feito, mas o planejamento, diário e mensal anual, ainda estou com dificuldades para colocar no papel, para eu mesma poder executar. Voce tem indicação de ferramenta que auxilia neste processo ? Desde já agradeço. ABS. Juliana

    • Olá Juliana! Muita força 🙂 E mente aberta! Esta área está sempre a mudar e há que aceitar que o que funciona hoje, pode não funcionar mais rapidamente!
      Em ter mos de ferramenta analítica, sem dúvida, o Google Analytics. Mesmo em redes sociais é super útil para ver quem chega ao site, como, quanto tempo, que pa´ginas visita, etc.
      Muito sucesso! E um beijinho

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>